[ X ]

Ainda não está registado?

Registe-se no novo site do CPS e termine mais rapidamente as suas encomendas, aceda à sua Coleção e, se já é Sócio, utilize as suas quotas! 

Registo

Login

Esqueci-me da password

Pedro Bandeira

S/ Título

Disponível

Técnica: Serigrafia

Suporte: Papel Fabriano Tiep GF 290gr

Dimensão da Mancha: 62x40 cm

Dimensão do Suporte: 70x50 cm

N.º de cores: 6

Data: 2014

Nº de Exemplares: 115

Ref: S34716

PVP: €190

Sócios: €133

EDIÇÃO ESPECIAL CPS 30 ANOS

 

Membros da Ordem dos Arquitectos e Casa da Arquitectura: 20% de desconto s/ PVP

 

Veja também: Álbum «12 Serigrafias de Arquitect@s», uma iniciativa conjunta do CPS e da Ordem dos Arquitectos.

 

 

Pedro Bandeira

Outras obras disponíveis de Pedro Bandeira

Pedro Bandeira (1970), arquiteto (FAUP 1996), é Professor Auxiliar na Escola de Arquitectura da Universidade do Minho.

A Convite do Instituto das Artes e do Ministério da Cultura integrou a exposição Metaflux na representação portuguesa na Bienal de Arquitectura de Veneza (2004) e representou Portugal na Bienal de Arquitectura de São Paulo (2005). Participou na exposição Portugal Now: Country Positions in Architecture and Urbanism (2007) organizada pela Escola de Arquitectura, Arte e Planeamento da Universidade de Cornell (EUA).

É autor do livro Projectos Específicos para um Cliente Genérico – uma antologia de trabalhos desenvolvidos entre 1996 e 2006 (Porto: Editora Dafne). Em 2007 concluiu a tese de doutoramento sob o título Arquitectura como Imagem, Obra como Representação: Subjectividade das Imagens Arquitectónicas.

Foi comissário da região norte da edição 2006-2008 do Portugal Habitar, co-comissário do seminário internacional Imagens de Arquitectura e Espaço Público em Debate (FAUP, 2010) e do seminário internacional Megaestruturas: Arquitectura e Jogo, integrado no Congresso Internacional ICSA (UM, 2010).

Em Dezembro de 2011 foi galardoado com o Prémio SIM (promovido pela Samsung) pelo projecto Casa Girassol, desenvolvido em co-autoria com a Arq.ª Dulcineia Santos e o Eng.º Filipe Bandeira. Mais recentemente concebeu para a Trienal de Arquitectura de Lisboa a performance The Future is the Beginning, a instalação Weisses Rauschen na Biblioteca de Arte Sitterwerk em St. Gallen e ainda a Proposta de Relocalização da Ponte D. Maria Pia em co-autoria com Pedro Nuno Ramalho.

Ler Mais Ver Obra completa.