[ X ]

Ainda não está registado?

Registe-se no novo site do CPS e termine mais rapidamente as suas encomendas, aceda à sua Coleção e, se já é Sócio, utilize as suas quotas! 

Registo

Login

Esqueci-me da password

Eduardo Eloy

S/ Título

Disponível

Técnica: Xilogravura

Suporte: Papel Fabriano Academia 360gr

Dimensão da Mancha: 30 x 64 cm

Dimensão do Suporte: 53,5 x 84,5 cm

Data: 2019

Nº de Exemplares: 75

Ref: G35690

PVP: €350

Sócios: €245 ou 4M

As xilogravuras de Eduardo Eloy incorporam a cultura do nordeste do Brasil, onde a chamada xilogravura nordestina é parte importante da identidade do país e retrata o rico imaginário da cultura popular. A técnica consiste em talhar uma base de madeira com goivas ou outras ferramentas de corte. No Nordeste, a madeira mais utilizada é a da árvore cajazeira abundante na região, macia e de fácil manuseio. Após talhada, a madeira recebe uma camada de tinta e é utilizada como matriz para estampar a imagem no papel.
O estilo híbrido de Eduardo Eloy manifesta-se nas suas "criaturas" entre o humano, o animal e o vegetal, mecânicas e assombrosas, de memórias ancestrais.

VER VÍDEO

 

Nota crítica

Eduardo Eloy

Outras obras disponíveis de Eduardo Eloy

Nasceu em 1955. Teve formação na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Centro Educacional Municipal Calouste Gulbenkian e Museu de Arte Moderna – MAN RJ nos anos 1976-1981. Hoje, em Fortaleza, produz um trabalho voltado para uma pesquisa elaborada a partir das artes gráficas, incorporada a outras linguagens visuais, hibridizando desenho, pintura, colagens, e materialidades diversas, vindas dos seus arquivos e colecionadas no quotidiano. Tempo, espaço e memória são, ainda, linhas de força implicadas ao pensamento do trabalho que encontra novas relações nas atividades colaborativas em projetos educativos, formação de jovens artistas e intercâmbios com instituições culturais. Expõe com regularidade desde 1978 em individuais e coletivas nacionais e internacionais. Recebeu em 1985 o Prémio Especial Pietro Maria Bardi no 2º Salão Pirelli de Pintura – MASP em São Paulo e em 1983, Prémio na categoria de técnica mista no Salão da Universidade de Fortaleza – UNIFOR Plástica.

Ler Mais Ver Obra completa.