[ X ]

Ainda não está registado?

Registe-se no novo site do CPS e termine mais rapidamente as suas encomendas, aceda à sua Coleção e, se já é Sócio, utilize as suas quotas! 

Registo

Login

Esqueci-me da password

Ilídio Salteiro

Abrigo

Disponível

Técnica: Serigrafia

Suporte: Papel Fabriano Tiep GF 290gr

Dimensão da Mancha: 27x34 cm

Dimensão do Suporte: 50x70 cm

N.º de cores: 32

Data: 2017

Nº de Exemplares: 150

Ref: S35400

PVP: €325

Sócios: €239 ou 5M

Nota crítica

Ilídio Salteiro

Outras obras disponíveis de Ilídio Salteiro

SALTEIRO, Ilídio. Alpedriz, Alcobaça. Portugal. 1953. 

Licenciado em Artes Plásticas / Pintura pela Escola Superior de Belas Artes de Lisboa em 1979, tendo aí sido aluno de Rocha de Sousa, Gil Teixeira Lopes, Jorge Pinheiro, Lagoa Henriques, Lima de Carvalho, Matilde Marçal, Conceição Ferreira, Rogério Ribeiro. 

Mestre em História da Arte pela Universidade Nova de Lisboa em 1987, tendo como professores Artur Nobre de Gusmão, José Augusto França, Horta Correia e Margarida Acciauoli entre outros... 

É actualmente assistente de Artes Plásticas – Pintura na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa. 

Foi professor de Artes Plásticas – Pintura (disciplinas teórico práticas): 

Escola Superior de Artes Decorativas da Fundação Ricardo Espirito Santo Silva. 

Escola Superior de Tecnologia de Tomar. 

Escola Superior de Conservação e Restauro de Lisboa. 

Escola Secundária Camões em Lisboa. 

Escola Secundária Padre Alberto Neto, Queluz. 

Em 1972 inicia um percurso pela BD em parceria com João Monsanto. Este percurso culmina com algumas intervenções em Jornais (A Mosca, dirigida por Stau Monteiro, do Diário Notícias, O Sempre Fixe,...), pela publicação de um fanzine (o Fanzine) e pela organização da 1ª (?) Exposição Nacional de Banda Desenhada na Parceria A.M. Pereira em Lisboa no final de 1974. 

Entre 1976 e 1979 é bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian. É membro fundador e apoiante de diversas associações com fins culturais tais como A Barca – cooperativa de dinamização cultural, o grupo Artever, a Associação Portuguesa de Historiadores de Arte, a Associação para o Desenvolvimento da Conservação e Restauro e da ACADE – Associação de Cultura, Ambiente, Desporto e Educação. 

Em Março de 1979 na Galeria da ESBAL em Lisboa é o início de um conjunto a amostragens e intervenções visuais públicas. Aí expõe pintura e desenho em paralelo com Amadeu Escórcio. 

Tem participado em inúmeras exposições individuais, de grupo e colectivas das quais se destacam a LIS’81-2ª Bienal de Desenho, a exposição de Homenagem a Almada Negreiros, a III Exposição da Fundação Calouste Gulbenkian e a participação em Espanha em várias exposições em sequencia do Salón de Otoño de Plasencia. 

Está representado na Colecção da Caixa Geral de Depósitos e em muitas outras colecções particulares. 

Ler Mais
Ver Obra completa.