[ X ]

Ainda não está registado?

Registe-se no novo site do CPS e termine mais rapidamente as suas encomendas, aceda à sua Coleção e, se já é Sócio, utilize as suas quotas! 

Registo

Login

Esqueci-me da password

Renata Cruz

Área de Soltura

Disponível

Técnica: Gravura C/ Colagem

Suporte: Papel Fabriano Art GF 300g

Dimensão da Mancha: 53 x 74 cm

Dimensão do Suporte: 55,5 x 76,5 cm

Data: 2017

Nº de Exemplares: 75

Ref: G35350

PVP: €460

Sócios: €322 ou 8M

"Área de Soltura" inspira-se em fragmentos de textos do livro "Folhas da Relva" do poeta americano Walt Whitman. O título da gravura remete para as reservas de pássaros no Brasil que preservam as espécies ameaçadas, uma forma de celebrar a natureza, como a poesia de Whitman, que na opinião da artista, "reverencia a existência de todos os seres".

 

Nota Técnica: A matriz central da gravura, com desenhos de pássaros que saem de um livro, foi impressa no centro do papel, com algumas pequenas em seu redor. As várias outras matrizes menores, com desenhos de pássaros em voo, foram impressas em papéis separados e unidas ao trabalho num processo de colagem.

 

Nota sobre envio por correio:

Devido às características da obra, o CPS não efetuará envios por correio, tendo a obra de ser levantada numa Galeria CPS em Lisboa.

 

Renata Cruz

Outras obras disponíveis de Renata Cruz

A artista brasileira Renata Cruz nasceu em 1964, em Araçatuba, São Paulo, Brasil.

Nos anos 80 levou a cabo uma formação em artes visuais, mais tarde completada na Facultad de Bellas Artes de la Universidad Autónoma de Madrid, por cursos de Educação Artística e pela frequência de Ateliers de Gravura. Esta aprendizagem já diversificada que a sua obra reflete, abrangeu ainda a arte integrativa e a pintura.

Os trabalhos desenvolvidos no CPS com imagens de pássaros que ela própria apresenta como projetos interativos com o público a quem se dirigem, inspiram-se em fragmentos de textos do livro Folhas da Relva do poeta americano Walt Whitman. O título “Área de Soltura” desses trabalhos, remete para as reservas de pássaros no Brasil que preservam as espécies ameaçadas, uma forma de celebrar a natureza, como a poesia de Whitman que na opinião da artista “reverencia a existência de todos os seres".

Renata Cruz realizou desde 2008, inúmeras exposições individuais e coletivas em países tão diversificados como Portugal, Brasil, Dinamarca, Espanha, Japão, Uruguai, Perú, Suécia, Colômbia, EUA e Alemanha.

 

Ler Mais Ver Obra completa.